Articles

O DESMATAMENTO AUMENTOU E NÃO É FAKE NEWS



quer investir carteira mara e carteira tablet invista inteligente investimento up.com.br desmatamento não é de hoje que isso acontece no brasil o desmatamento sempre existiu o problema desde o início do ano é o aumento nos números segundo o inpe instituto nacional de pesquisas espaciais só no mês de junho o número de árvores derrubadas na região amazônica aumentou 88% o presidente jair bolsonaro discorda chegou a dizer que se a informação estivesse certa a amazônia já teria sido extinta o chefe do inpe confirmou os números e bolsonaro disse que quer acesso a todos os dados do desmatamento antes da divulgação e você o que você acha o presidente está certo esse número é exagerado ou você acha que o inpi está certo e que o desmatamento está aumentando por falta de uma política pública que combata o problema meu nome a gabriela lisboa esse é o maine explica e se você não sabe responder essa pergunta pode ficar tranqüilo no fim desse vídeo você vai ter uma opinião sobre o assunto [Música] os dados foram publicados pelo inter no início do mês de julho e mostraram uma nova realidade que deixou muita gente preocupada segundo os números do desmatamento na amazônia está crescendo em uma velocidade assustadora no mês de junho foram derrubadas todas as árvores de uma área de 920 quilômetros quadrados quase o dobro do que foi derrubado em junho do ano passado quando o desmatamento atingiu 488 quilômetros quadrados e onde essas pessoas estão destruindo a floresta toda principalmente em quatro estados que concentram 97,0 5% da área desmatada para amazonas mato grosso e rondônia e como em que chegou nesses números vai dizer que tem alguém lá medindo mais ou menos isso mas não são pessoas não é alguém medindo são satélites é o sistema de detecção do desmatamento em tempo real por meio de imagens de satélite o sistema avalia a cobertura florestal e emitir alertas de desmatamento todos esses dados são compilados e publicados no portal terra brasilis como isso funciona quem vai explicar é um especialista a partir de 2004 se eu não me engano o inpe ele passou a desenvolver um outro sistema que seu cão chamado sistema de alerta é o de ter de detecção de desmatamento em tempo real pra oferecer suporte à fiscalização ambiental a respeito do desmatamento ocorrido naquele momento são dois satélites né a questão complexa que produzem mais complementares e ea informação já chega num formato que que ajude a orientar a a as equipes de fiscalização o fato é que o presidente jair bolsonaro não ficou nem um pouco feliz em saber que o desmatamento está aumentando tanto no governo dele em quem ele botou a culpa nos números no dia 19 de julho durante um café da manhã com jornalistas estrangeiros que trabalham no brasil ele questionou os dados do inpe e sugeriu que o diretor do órgão deve estar a serviço de alguma ong ele também disse que já tinha mandado ver quem está à frente do ipp e que essa pessoa teria que ir para brasília explicar esses dados quem está à frente do inpe é o professor titular do instituto de física da usp e membro da academia brasileira de ciências o físico engenheiro ricardo magno zoro galvão ele rebateu as críticas feitas pelo presidente disse que o inpe monitora o desmatamento desde a década de 70 e que tem uma série histórica de dados respeitada mundialmente ele também disse que tem 48 anos de serviço público que nunca teve relação com ong e que não vai pedir demissão do cargo para encerrar o diretor ainda afirmou que bolsonaro não tem qualidade ou qualificação para fazer análise de dados sabe por que você não ter visto esse homem você acha que eu não tentei mas a assessoria de imprensa do inpi mandou esse meio aí o que está escrito é que depois que o ministro marcos pontes o astronauta se manifestou sobre o assunto o diretor do inpe decidiu não dar mais entrevistas antes de se reunir com ele e essa reunião ainda não foi marcada a ministra falou marcos pontes público é essa carta e no twitter dizendo que compartilha estranheza expressa pelo presidente jair bonsonaro especialista existe alguma chance desses números estarem errados não os sistemas eles têm um determinado grau de precisão não tomam massagem o próprio inpe diz que a sua precisão a sua curar a série chega a 95% então existe uma fração daquilo que não não foi detectado que eventualmente pode estar sendo desmatado mas até na para que se chegue à conclusão e para que se chegue a medição só que elas áreas onde existe a certeza absoluta de que o desmatamento aqui aquele identificado pela imagem é um desmatamento é que a acaba sendo medido o sistema ferro conservador para que não exista a informação incorreta eu acho que essa briga ainda vai longe mas aí o que você acha essa história de desmatamento é balela e o inpe divulgou números exagerados ou esse é um problema sério e o desmatamento precisa ser combatido não esquece de deixar a sua opinião aí nos comentários aproveita e dá um like e se inscreve no canal e compartilhar o link lá no grupo da família assim você já vai ter uma boa pauta para discussão do fim de semana a gente se encontra de novo na próxima sexta até lá olha se esses números estiverem certos e pelo jeito tão porque tem uma equipe muito grande de cientistas de técnicos de pessoas qualificadas por trás deles então a gente precisa realmente se preocupar porque 88% no mês de junho vai saber quanto vai aumentar no mês de julho nos próximos meses onde isso vai parar agravando só falta só falta minha cola lá lá lá lá a a tempo recorde a gravação em tempo recorde nunca antes na história desse canal se gravou mails explica tão rapidamente sabe disso o homem sai [Música]

43
Comments
  • O presidente faz discursos contra os órgãos que defende o meio ambiente, desta forma o resultado não poderia ser outro, ele está querendo esconder a verdade quando o certo seria resolver o problema, mas não dava pra esperar outra coisa de uma pessoa tão despreparada para o cargo.

  • Ser humano só dá valor as coisas quando perde, então desmata tudo mesmo, polua ar e água, sejam todos imediatistas.

  • O eleito não acredita em nada que não tenha o “dedo” dele para inventar mais alguma coisa para desmentir pessoas que dedicam a vida para estudar sobre o desmatamento.Lamentável

  • Não existe discussão desse assunto. Só o governo mentindo mais uma vez e o gado indo atrás.

  • Desculpa falar isso, mas não é questão de opinião. Dados não tem o que opinar, apenas analisar. E se desconfiam dos dados do INPE, existem outros órgãos que fazem a mesma medição.
    O desmatamento é real, a crise ambiental é mais do que real e é de extrema urgência que se pare o desmatamento, além de muitas outras medidas. Estamos sentindo ano após ano os efeitos nefastos provocados pelo homem. O tempo de controle está acabando. Se passarmos mais dois anos nesse ritmo, a humanidade viverá muito mal em pouco tempo. A sociedade como conhecemos não será mais a mesma.

  • Oi Gabriela, fiz uma visita técnica em 2018.
    O INPE concentra um corpo de profissionais excelentes. Eles possuem 3 satélites em órbitas, sendo 2 responsáveis no imageamento do nosso território e, 1 utilizado para analisar a interferência eletromagnética na superfície.
    O primeiro é utilizado para entendermos o que ocorre em nossas fronteira e acompanhar a progressão do desmatamento, já o segundo permite que estudemos melhorias de dispositivos, pois estuda interferências nas comunicações entre os dispositivos na terra com os satélites, pois possuímos uma falha magnética em nosso território.
    Um presidente atacar uma instituição tão importante não só para nosso território e, ser apoiado por um ministro de tecnologia é lastimável.

  • Caraca, Marcos Pontes questionar imagens de satélite? lamentável.. Não é a toa que depois de ir ao espaço ficou vendendo travesseiros..

  • Esse bozo-mental estah destruindo com o pais inteiro! As mortes causadas pelas politicas dessa quadrilha nao vao voltar mais! IMPEACHMENT JAH!!!!

  • O desmatamento só acontece pq tem consumidores que alimentam essa prática, mas colocar a culpa em governo A ou B é mais fácil.

  • "O que vocês acham".
    Que a ciência e os dados estatísticos monitorados 24/7 com geração sistêmica de relatórios independem de "achismos".

    Estamos voltando no tempo em que se negava o buraco na camada de ozônio ou que chumbo misturado na gasolina não afeta a saúde dos indivíduos…

    E pior: não duvido se, daqui a pouco, haver outra revolta da vacina orquestrada por um velho decrépito, famoso por negar FATOS científicos, que mora nos EUA…

  • É preciso comentar mesmo? Eu acredito na ciência, tb que a terra é redonda e que o homem pisou na lua.

  • Contestar o trabalho do INPE só pedindo ajuda a algum instituto internacional de mesma credibilidade que também acompanhe o desmatamento na Amazônia. Imagino que nos EUA eles acompanhem isso regularmente uma vez que a Amazônia é de interesse do Planeta Terra e não apenas do Brasil. Se os dados estiverem divergentes, os cientistas e não os curiosos, deverão analisar os porquês.

  • O Excrementissimo Sr. Presidento Jair Messias Bolsonaro tem que se restringir a assistir hasteamento de bandeiras, colocar medalhinhas em seus cupinchas, assistir formaturas de cadetes e ir aos cultos evangélicos. Deixa os assuntos sérios para quem saiba pelo menos um pouquinho dos variados temas governamentais. Ele não teve capacidade sequer para explicar o novo FGTS. Teve que ler um texto de 2 minutos pois não é capaz de falar de nada que não sejam besteiras.

  • Hoje também foi perfeito o jornal. O desmatamento é um absurdo e o presidente "não sabe de nada… inocente".

  • Bolsonoro faz os problemas sumirem, mas essa técnica dele faz os problemas dobrarem (o problema em si e a burrice dele).

  • O Zé ruela do Bolsonaro achar ou deixar de achar análise científica, é irrelevante. Agora, o ministro Marcos Pontes, baixar a bola e dizer que isso questionável, aí é preocupante.

  • Sou a favor de toda preservação da natureza e não duvido dos dados do INPE (se estão falando apenas da Amazônia), mas os dados da EMBRAPA parece estar em contraste: https://www.youtube.com/watch?time_continue=30&v=oDixTvtEsx8

  • Muito bom vídeo.
    Gabi, não gosto das pessoas que ficam falando das roupas, mas tenho que comentar e espero que leve na esportiva. Com o corte e só aparecendo uma parte toda hora vinha na minha cabeça um código de barras.
    E ah, dia 5 de agosto vai ter o congresso brasileiro de agronegócio e creio que possivelmente possa ser um tema interessante para um vídeo.

  • ao entrar no governo bolsonaro prendeu as pernas da policia ambiental, quis para o levantamento de aprendizado nas escolas publicas, cortou comercial do bb, limitou o censo, tentou reescrever a historia politica do pais, etc. agora quer fazer que os dados científicos sejam alterados as necessidades do governo, não é atoa que as pessoas estão começando a achar que a terra é plana

  • das duas, uma ou as duas : ou o sr. Presidente é um ignorante completo (não sabe de nada) ou é mau e sabe das coisas mas prefere negar para pôr em prática seus planos de liberar a Amazônia para a exploração criminosa. Esse cara precisa ser interditado, por sinal isso deveria acontecer em paralelo com a eleição. Deveria ter exame de sanidade mental para que o Presidente a ser eleito comprovasse que não é um louco a caminho do poder. Olha o que aconteceu… esse cara já provou que não tem a menor condição de ser Presidente ! E é seguido por uma legião de 30% de insanos da população a gritar : Mito ! mito! mito! que igualmente deveriam ter atestado insanidade mental.

  • Há desmatamento, sendo sim de fato de grande índice. Não sentimos/nos importamos pela distância. E partindo da premissa de que J.M. Bolsonaro apoia Trump que indicou como secretário do meio ambiente uma importante pessoa ligada a exploração de petróleo nos USA, tem se como base, que ambos pouco se importam com o meio ambiente, desde que o progresso ocorra. Restam dúvidas disso? Será que Bolsonaro é a favor da revisão do tratado de Kyoto para que uma maior cooperação (%) ocorra, uma vez que USA saíram?

  • Não tem nem o q achar. Como vou eu medir o desmatamento olhando para o meu quintal? O INPI é quem tem a informação.

  • Muitos falam da floresta amazônica e debatem entre ser verdade ou mentira isso de desmatamento, mas pensem cadê a mata atlântica? Ficava no estado de SP, minha cidade possui pontos de preservação.

  • Esperava mais do Sr Ministro Marcos Pontes. Um cientista, conhecedor das metodologias dizer que compartilha da opinião de um leigo. Primeira vez que nosso astronauta ganha as manchetes e é por causa de uma coisa negativa.

  • A RELIGIÃO DEIXOU A CIÊNCIA DOMINAR.
    Talvez seja isso que está acontecendo aí.
    Se você não concorda e eu sou a voz de Deus.
    VOCÊ ESTÁ CONTRA DEUS.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *